Blastogênese – 5 e 6 dias

Começa a Implantação, Níveis de HCG Aumentam, 5 a 6 dias – várias células em torno de uma pequena cavidade (Blastocisto).
0.1 – 0.2 mm é o tamanho do blastocisto, 5 – 6 dias pós-ovulação O blastocisto perfura e “abandona” o invólucro da zona pelúcida (“hatching”) em torno do 6º dia pós-fertilização, quando o mesmo penetra no útero. As células do trofoblasto secretam uma enzima que provoca erosão no epitélio de revestimento uterino e cria um sítio de implantação para o blastocisto. Num processo de estimulação cíclico, o ovário é induzido a continuar a secreçãode Progestrona, enquanto o hCG (gonadotrofina coriônica humana) é liberado pelas células trofoblásticas do blastocisto em implantação. As glândulas endometriais do útero se tornam aumentadas em resposta ao blastocisto e o sítio de implantação torna-se edemaciado e com novos capilares. A circulação útero-placentária se inicia, um processo necessário para a continuação da gravidez. É nesse momento que o embrião inicia o processo de implantação (fixação ao útero).

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Você pode se interessar:

COVID-19-e-a-Medicina-Reprodutiva

COVID-19 e a Medicina Reprodutiva

Covid-19 e a Medicina Reprodutiva – entenda os riscos de engravidar na pandemia A COVID-19 e a medicina reprodutiva nos posiciona a resumir os principais

2 testes da reserva ovariana

2 testes da reserva ovariana

2 testes da reserva ovariana que são importantes marcadores do número de óvulos nos ovários Os 2 testes da reserva ovariana mais realizados atualmente são: