Por que os embriões não implantam no útero?

A pergunta a seguir é ainda mal respondida pelos médicos afeitos à reprodução humana. Doutor meus embriões estavam bonitos! Por que os embriões não implantam no meu útero?”

As falhas de implantação são frequentes.

Falha de implantação dos embriões ocorre em mais da metade dos ciclos de fertilização in vitro. Seja nos ciclos em que a transferência de embriões é à fresco ou após descongelamento dos mesmos, sabe-se que as taxas de gravidez evolutiva (aquelas que originam um bebê nascido vivo) estão abaixo dos 50%.

O relatório da Sociedade Americana de Reprodução Assistida

O relatório da SART ( Society for Assisted Reproductive Technology) em 2018 (https://www.sartcorsonline.com/rptCSR_PublicMultYear.aspx?reportingYear=2018) refere taxa de gravidez com nascidos vivos de 49.4% em pacientes com menos de 35 anos.

As causas das falhas na implantação dos embriões – não há um único culpado.

A presença de múltiplos fatores de infertilidade, tais como fatores masculinos e femininos, é o grande responsável pelas falhas de implantação.

Causas femininas de falha de implantação

A presença de doenças das trompas e do útero predomina nas falhas de implantação de origem feminina – endometriose, infecção das trompas, a inflamação da camada interna do útero (endometrite) e doenças imunológicas.

Causas masculinas de falha de implantação

No caso masculino, a presença de número de espermatozoides abaixo de 1 milhão (oligospermia severa) e alteração da forma do gameta masculino (teratozoospermia) estão ente as causas de falhas de implantação dos embriões.

Como podemos responder à pergunta – Por que os embriões não implantam?

Podemos examinar os embriões em si (exames genéticos pré-implantacionais) e o útero (pesquisa de inflamações), mas nem a transferência de embriões geneticamente “normais” – número normal de cromossomas – em úteros sem quaisquer inflamações ou anormalidades nos garante a implantação.

A resposta mais sincera!

Na verdade e de forma humilde, perante os exames normais, nossa resposta deve ser – Não sabemos por que os embriões não implantam!!!!  A ciência reprodutiva está evoluindo a passos largos e ainda não chegou a qualquer conclusão definitiva para nos ajudar a escolher qual embrião vai implantar e gerar o nascimento de um bebê saudável.

Dr. Flávio Garcia de Oliveira

Médico da Clínica de Fertilidade FGO e do programa DR FERTILIDADE.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Você pode se interessar:

gravidez e pandemia

Gravidez e infecção por Covid-19

É fundamental conhecermos os riscos e as consequências da infecção pelo Covid-19 sobre o desfecho da gestação, envolvendo inclusive os riscos de internação e mortalidade.