Menu

Fatos sobre a Infertilidade

Dr. Flávio Garcia de Oliveira

A infertilidade é uma doença que resulta no funcionamento anormal do sistema reprodutivo masculino ou feminino. A Organização Mundial de Saúde, a Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva (ASRM), e o Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas (ACOG) reconhecem a infertilidade como uma doença.

A infertilidade é definida como a incapacidade de conceber após um ano de relações sexuais desprotegidas (seis meses se a mulher tiver mais de 35 anos) ou a incapacidade de levar uma gravidez até o fim.

Cerca de 12% das mulheres casadas têm problemas para engravidar ou manter uma gravidez. (2006-2010 Pesquisa Nacional de Crescimento Familiar, CDC)

Cerca de um terço da infertilidade é atribuído ao parceiro feminino, um terço atribuído ao parceiro masculino e um terço é causado por uma combinação de problemas em ambos os parceiros ou, é inexplicável, a chamada infertilidade sem causa aparente.

Um casal com idade entre 29-33 anos com o sistema reprodutivo normal tem apenas chances de 18-20% de engravidar por tentativa (Centro Nacional de Recursos de Saúde da Mulher). Após seis meses de tentativas, 60% dos casais irão conceber sem assistência médica.

Cerca de 44% das mulheres com infertilidade procuram assistência médica. Daquelas que buscam a intervenção médica, aproximadamente 65% dão à luz no primeiro ano.

Aproximadamente 85-90% dos casos de infertilidade são tratados com medicamentos ou de procedimentos cirúrgicos. Menos de 3% necessitam de tecnologias avançadas de reprodução, como a fertilização in vitro (FIV).

As mais recentes estatísticas disponíveis indicam que a taxa de nascidos vivos por transferência de embriões frescos (não-doador) é de 50-60% se a mulher tem menos de 35 anos de idade, e 40% se a mulher tem 35-37 anos de idade.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email