Menu

Como suspeitar da endometriose?

Você acha que pode ter endometriose?

A endometriose afeta entre 10 – 15% de mulheres com idades entre 25-44 anos. Estima-se que 25 a 50% das mulheres com infertilidade têm endometriose. Diagnóstico e tratamento precoce é importante. Se você acha que pode ter esta doença, considere as seguintes perguntas.

• Você tem ciclos menstruais dolorosos e intensos?

• Você sente dor nas costas ou dor pélvica durante o sangramento menstrual que só é aliviada por analgésicos anti-inflamatórios, como ibuprofeno ou cetoprofeno e não pela aspirina sozinha?

• Você tem sintomas intestinais ou da bexiga (prisão de ventre, diarreia ou micção frequente) perto do período da ovulação ou um pouco antes de começar a menstruação?

• A relação sexual é dolorosa em certas posições ou com penetração profunda?

• Você tem uma história familiar de endometriose, ou seja, sua mãe, avó ou irmãs têm endometriose?

Sintomas

As mulheres com endometriose, muitas vezes, mas não sempre, podem ter um ou mais dos seguintes sintomas:

1. Dismenorréia (cólicas dolorosas durante a menstruação)
2. Dispareunia (coito doloroso – dor na penetração profunda)
3. Sangramento uterino disfuncional, incluindo períodos de fluxo intenso ou pequenos sangramentos pontuais (spots) durante o ciclo menstrual
4. Em cerca de 30% das mulheres, não há sintomas, exceto a infertilidade – dificuldade de engravidar.

Diagnóstico

O diagnóstico de endometriose é feito por uma combinação de exames, incluindo:

1. Uma história cuidadosa dos sintomas e do ciclo menstrual da paciente
2. Um exame pélvico minucioso com ultrassonografia transvaginal
3. Uma laparoscopia, durante a qual a cavidade abdominal, os ovários e outras estruturas pélvicas podem ser inspecionadas.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

Você pode se interessar:

Síndrome da Hiperestimulação Ovariana

Síndrome da Hiperestimulação Ovariana

A Síndrome da Hiperestimulação Ovariana (SHO) é o efeito colateral mais comum da estimulação ovariana. Qualquer que seja a técnica de reprodução humana assistida, coito

Novembro Azul

Novembro Azul

Começou o Novembro Azul, um movimento internacional para sensibilizar a população sobre os perigos do câncer de próstata e estimular a prevenção e diagnóstico da

Tabagismo e Infertilidade

Tabagismo e Infertilidade

Saiba mais sobre a relação entre tabagismo e infertilidade Fumar é um péssimo hábito para a saúde, isso todos sabem. Entretanto, o que muitas pessoas

Cálculo de Ovulação

Técnicas para cálculo de ovulação

Cálculo de ovulação: conheça algumas técnicas para aumentar as chances de engravidar Para a ciência, um casal é considerado infértil quando, depois de um ano