Menu

Fase 2 – Captação dos Óvulos e Obtenção dos Espermatozóides

É um procedimento simples que exige uma leve sedação, ou seja, a paciente dorme durante alguns minutos, enquanto seus óvulos são coletados dos ovários. Uma agulha comprida e fina é dirigida ao fundo da vagina pelo próprio dispositivo de fazer ultra-som transvaginal (o chamado transdutor).

Nessa região, ou seja, no fundo da vagina é que encontramos os ovários repletos de folículos contendo os óvulos. Com o transdutor posicionado sobre cada ovário (primeiro do lado direto e depois do lado esquerdo) fazemos uma punção com a agulha guiada pelo ultra-som, o que nos permite aspirar cada um dos folículos ovarianos que contém óvulos. 

Esse líquido aspirado de cada folículo (e que contém o óvulo) cai direto dentro de um tubo de plástico apropriado, acoplado à agulha, que é encaminhado ao laboratório de embriologia para identificação e classificação do óvulo. Após o procedimento a paciente descansa por 20 minutos e retorna a sua residência ou ao trabalho, onde vai aguardar as orientações para as próximas etapas. 

Já os espermatozóides são obtidos no mesmo dia dos óvulos, através da masturbação (para os homens com espermatozóides no ejaculado) ou através da punção testicular ou do epidídimo (no caso dos homens sem espermatozóides no ejaculado – azoospermia).

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

Faça sua Avaliação Gratuita

Nosso projeto consiste em fazer o primeiro atendimento sem nenhum custo em nossa clínica, onde você faz o agendamento, aguarda o contato de nossa equipe e vem preparada com todos os exames que já realizou para que o médico faça a avaliação do seu caso e escolha o melhor caminho a seguir.