TRATAMENTOS ACESSÍVEIS
RECEBA NOSSA NEWSLETTER
Notícias

Grávida não pode passar vontade!

Dr. Flávio Garcia de Oliveira
15/08/2012 12h00

Quando uma mulher diz que está com muita vontade de comer alguma coisa logo vem alguém e pergunta se ela está grávida. Isso acontece porque durante a gestação muitas mulheres dizem sentir desejos incontroláveis de comer certos alimentos e até mesmo algumas coisas das mais estranhas que se pode imaginar. Mas porque isso acontece?

Durante a gravidez, o aumento dos hormônios progesterona e estrógeno provocam mudanças na sensibilidade olfativa, que afeta o cheiro e o gosto das coisas, podendo fazer com que a mulher passe a gostar de alimentos que até então ela detestava. As mudanças hormonais também diminuem o pH da boca e podem provocar salivação excessiva, fazendo com que a mulher prefira comer alimentos que diminuem este desconforto, mesmo que ela não gostasse deles antes de engravidar. Além disso, é comum que algumas gestantes sintam vontade de ingerir combinações estranhas, como melancia com feijão, maionese com chocolate, entre outras. Isso acontece por causa da chamada picamalácia, também conhecida como “pica”, que é uma desordem alimentar que faz com que a gestante ingira substâncias com pouco ou nenhum valor nutricional e que muitas vezes podem até mesmo não ser comestíveis. Dentre as explicações para a picamalácia estão questões emocionais, culturais e até mesmo fisiológicas, como o alívio de sintomas digestivos que alguns alimentos proporcionam.

A pagofagia (ingestão de gelo), geofagia (ingestão de terra ou barro) e as miscelâneas (combinações muito estranhas de alimentos) são as vontades mais comuns na picamalácia e não representam risco para a gestação. Mas se o desejo da gestante for de ingerir substâncias não alimentares, principalmente as tóxicas, é preciso ter cuidado, pois algumas substâncias podem ser muito perigosas para a saúde da mamãe e também do bebê.

A vontade de ingerir algumas substâncias pode ser indício de alguma vitamina ou nutriente que o organismo esteja necessitando ou ainda pode indicar doenças como anemia, infecções, constipação, entre outras. Para que o médico identifique o que pode estar errado pode ser que sejam necessários alguns exames, mas alguns desejos como o de comer terra, por exemplo, já indicam por si só uma possível deficiência de ferro no organismo.

Acima de tudo, é bom saber que, estranho ou não, se seu desejo não for satisfeito, isso não vai afetar a saúde do seu bebê e ele também não vai nascer com a aparência do alimento desejado, então fique tranquila!

Mais Notícias

Mais Resultados

Calculadoras da Fertilidade

Calcule a data provável da sua Ovulação

ciclo regular
ciclo irregular

ver resultado

ver resultado

Calcule a data provável do parto do seu bebê

ver resultado

Verifique se seu peso (durante a gravidez) está na faixa ideal * disponível à partir da 13ª semana de gestação.

exemplo: 1 .70 m
exemplo: 61 .5 kg

ver resultado

Nossos Livros Publicados

Bebê a Bordo

Uma obra alegre e esclarecedora que acompanha as 40 semanas da gravidez, mostrando as transformações no corpo da mulher e o desenvolvimento do bebê (ou dos bebês, no caso de múltiplos).

ver
E depois do parto?

E depois do parto?

O bebê nasceu. E agora? Neste livro, a mulher, em especial, e o também marido, vão ter dicas e orientações de como se portar nessa nova etapa de vida.

ver
Galeria de Imagens

Endereço:
Rua Caçapava, 49 • 12º andar
Jardim Paulista • São Paulo • SP • Brasil
CEP: 01408-010

Fone: +55 (11) 3386-1800

WhatsApp: +55 (11) 97230-1800

atendimento@clinicafgo.com.br

© COPYRIGHT 2015, FGO Clínica de Fertilidade
NOS ACOMPANHE
Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!